quinta-feira, 15 de março de 2012

PROGRESSIVA COM FORMOL, HORA DE REPENSAR

Como profissional da área de beleza e mais ainda como instrutor com passagem pelo SENAC, Instituto Embelleze, SESI e outros centros de formação e aperfeiçoamento de profissionais nesta área, não consigo entender o descaso que os profissionais vêem tendo com o risco do uso do formol ou formoldeído ou ainda o glutaraldeído em seus estabelecimentos, colocando não só a si e a seus auxiliares, mas, também seus clientes e a todos aqueles que se encontram no ambiente aos riscos altíssimos que estas substâncias trazem à saúde. Conheço profissionais que já estão sentindo a manifestação de consequencias do uso prolongado de produtos desta ordem, e que já se mostram preocupados com o futuro sem saber o que lhes poderá acontecer daqui para a frente. Desde o inconsequente início do uso deste tipo de escova, por conhecimento, alertei a diversos alunos sobre a possibilidade de consequencias graves sendo que a grande maioria ignorou meus conselhos e hoje já estão deixando de usar a técnica antes tão propalada, alguns já aprsentando visíveis e confessos problemas de saúde. Quanto o sistema de saúde gastará no futuro para atender aos doentes que irão procurar tratamento médico em consequencia da ganância ou da necessidade de ganhos imediatos? Devemos culpar também as autoridades em todos os níveis pelo descaso e falta de fiscalização com que tratou um assunto tão sério. Somente após a reportagem do Fantástico houve alguma mobilização neste sentido, mas com certeza cairá no esquecimento em breve. Cabe ao cabeleireiro a iniciativa de mudar suas próprias atitudes e repensar entre o imediato e o futuro, mais vale a saúde que lhe proporcionará com trabalho consciente um futuro promissor que ganhos imediatos que poderão ser consumidos com a tentativa de restaurar a saúde. è preciso dizer NÃO à aqueles que nos oferecem produtos com substâncias proibidas e nocivas à nossa saúde e de nossos clientes, porque muitas das vezes tinhamos consciência do conteúdo dos mesmos e em outras fomos enganados por representantes e "indústrias" gananciosas e inescrupulosas que em nenhum momento levaram em consideração nossa saúde. Já há no mercado empresas sérias e produtos que substituem o Formol com vantagens e segurança a saúde dos profissionais, dos nossos clientes e a todos ao nosso redor. Os lançamentos das escovas enrriquecidas com aminoácido PROLISS 100 que tem como ativo de alisamento o GLYOXYLOYL KERATIN aminoácido irá ocupar gradativamente o espaço que foi ocupado pélo formol e dará ao cabeleireiro os lucros necessários à sobrevivência e a opção de escova gradativa ou progressiva que o consumidor almeja sem ônus ou riscos á saúde.

30 comentários:

  1. Disse tudo, Umberto... sua colocação foi perfeita. Os profissionais de beleza precisam ter mais comprometimento com o bem estar de seus clientes.
    Como você mesmo disse, não se deve levar em consideração apenas o lucro imediato. Eu ainda acredito piamente na fidelização do cliente como a melhor forma de lucro. Para isso, nada mais certo do que ser sempre transparente.

    ResponderExcluir
  2. Tenho muita vontade de fazer uma escova progressiva, porém não queria com formol. Em um salão aqui em São José dos Campos o cabeleireiro me indicou a escova gradativa VERSATY-LISS, e garantiu que não tem formol. Você conhece essa escova? Tem formol? Quanto tempo ela dura? Você me aconselharia essa escova? Por favor, me tire estas dúvidas.

    Valéria Rosito

    ResponderExcluir
  3. Valéria, realmente este produto já pertence a nova geração de escovas progressivas ou gradativas e tem como princípio ativo de alisamento o GLYOXILOIL KERATIN, e desta forma é totalmente isenta de formol e dura entre 2 e 3 meses, e vc. pode seguir o conselho de seu cabeleireiro que ele está bem informado e certamente fará um bom trabalho em seus cabelos. Caso tenha alguma dúvida, acesse o site www.versale.com.br e lá encontrará mais informações sobre este e outros produtos da marca.

    ResponderExcluir
  4. Umberto, vc fala dos profissionais que utilizam o formol de forma perigosa em seus clientes. Mas já ouvi falar de pessoas que, por conta própria, aprenderam a fazer o "coquetel" da progressiva e conseguem formal com conhecidos para se auto-aplicarem o produto. E pelo que ouvi, essas pessoas utilizam o formol em casa há anos e, por não verem nenhuma complicação médica, acham que esses comentários jornalísticos contra o formol são apenas propaganda negativa de quem não pode ganhar dinheiro com essas progressivas. Sejamos práticos amigo! Que tipo de sintomas se pode perceber numa provável contaminação à manipulação do formol? O que se sente imediatamente e mediatamente inalando o produto? Que consequencias reais se terá?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Abigail, para não ser redundante, faço minhas as palavras da Vera Lúcia, (comentário seguinte), e acrescento que o grande erro das autoridades é a falta de fiscalização, os salões estão cheios de produtos sem registros ou com estes falsificados, endereços ou CNPJ de fabricantes fictícios e outras irregularidades que levarão o sistema de saúde a consumir nosso dinheiro pago em impostos com o tratamento das vítimas destes produtos.

      Excluir
  5. Os problemas de saúde trazidos pela substancia pode ir da deficiência respiratória, hipersensibilidade ao formol e inclusive um choque anafilático que pode levar à morte por asfixia.

    A Anvisa regulamenta os produtos cosméticos com o único objetivo de proteger a saúde dos usuários, portanto produtos com taxas acima de 0,2% de formol, não consegue registro junto ao Ministério da Saúde.

    O formol solubiliza óleos e, portanto, dissolve o cimento intercelular e a membrana celular que envolve as fibras de queratina tornando-as desprotegidas. Sem os componentes oleosos os cabelos ficam endurecidos, sem maleabilidade e sem brilho e eles começam a se partir como se tivessem vitrificados.

    Para aquelas que hoje tem problemas com os cabelos devido ao uso do formol o ideal é a hidratação profunda rica em proteínas e ativos emolientes e condicionantes
    Os riscos do Formol:

    Contato com a pele (couro cabeludo) – Tóxico. Causa irritação à pele, dor e queimaduras.

    Contato com os olhos – Causa irritação, vermelhidão, dor, lacrimação e visão embaçada. Altas concentrações causam danos irreversíveis

    Inalação – Pode causar câncer no aparelho respiratório. Pode causar dor de garganta, irritação do nariz, tosse, diminuição da freqüência respiratória, irritação e sensibilização do trato respiratório.

    Exposição crônica – A freqüente ou prolongada exposição pode causar hipersensibilidade, levando às dermatites.

    O contato repetido ou prolongado pode causar reação alérgica, debilitação da visão e aumento do fígado.
    E AI VAMOS CONTINUAR COM ELE??????

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vera Lúcia, parabéns pela exatidão e sensatez de seu comentário.

      Excluir
  6. Boa tarde Humberto! Meu nome é Mõnica e sou de Porto Alegre!!
    Gostaria de saber o que posso usar para deixar liso um cabelo afro? Antigamente após um alisamento usavam produtos a base de formol, mas hoje em dia o que usar é um cabelo afro para deixa-lo bem liso??
    Já conheço seu trabalho em palestra no Rio e inclusive aqui mesmo em Porto Alegre e gostei muito! Em matéria de química vc é fera!!
    agradeço desde já!! abraço

    ResponderExcluir
  7. Monica, agradeço s euconceito sobre mim, e espero ajuda-la, para tanto, indico-lhe a guanidina, é um produto que permite escolher a melhor "força" indicada para o processo químico de alisamento. Para a escova progressiva, você deve usar um produto que tenha como ativo o GLYOXYLOIL KERATIN aminoácido, eu tenho usado em minhas aulas a guanidina extreme system e a escova gradativa versaty liss, produtos da VERSALE (www.versale.com. br)e os resultados foram exelentes. Atente que antes de usar qualquer produto de transformação não se esqueça das regras básicas que são: O teste de mecha, o de sensibilidade na pele e fazer uma boa análise do cabelo quanto a espessura, elasticidade, produto aplicado anteriormente, e o estado geral, aí sim, após o diagnóstico e de determinar o procedimento, siga as instruções do folheto aplicativo do produto e execute o processo. caso tenhas mais dúvidas entre em contato. Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Umberto!!! Vou experimentar e depois volto para contar o resultado!!! Agradeço mesmo! E apareça e Porto Alegre!! abração

      Excluir
  8. Umberto,gostei muito do seu blog,achei essa sua ideia muito fantástica,pois é um meio de adquirirmos mais conhecimentos.
    Desejo que você tenha muito sucesso com os produtos versale.
    um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paulo, obrigado. Nosso objetivo é exatamente este, o de proporcionar aos profissionais da área de beleza a oportunidade de discutirem assuntos de interesse comum e buscarem a troca de informações que levemm ao aprimoramento de todos.

      Excluir
  9. boa noite Umberto!gostaria de saber se você conhece a escova HIDRA-LISS?
    este produto alisa,mais gostaria de saber se ele contém formol disfarçado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Dete, Como instrutor na área de química procuro tomar conhecimento de todos os produtos lançados no mercado, porém, há certas respostas complicadas de serem dadas publicamente, não quero me referir diretamente a pergunta sobre um produto específico pois qualquer afirmação que fira os interesses empresariais pode gerar problemas legais. Como provávelmente você e outros profissionais estão sujeitos a se enganarem e ou serem enganados, sugiro que antes de adquirir um produto procurem saber se este tem registro na ANVISA e acesse o site e verifique se o registro é real, (há uma série de produtos com registro fictício) confira o CNPJ do fabricante, acesse o site da receita e pesquise, peça o telefone e o site da empresa, uma empresa organizada e legalizada certamente terá um site. E por último, caso as opções anteriores sejam inviáveis no momento, faça o seguinte: na hora em que estiver recebendo o produto destampe o gloss ou o produto que contém o ativo aproxime o nariz do bocal, suavemente inale por um breve tempo, se você sentir coceira, ardência ou qualquer incômodo nas narinas ou na testa, provávelmente o produto comtém o formol, e na dúvida não realize a compra do produto.

      Excluir
  10. Caro Umberto, fico muito feliz ao ver o seu empenho ao criar um canal de informações para os cabeleireiros.Hoje com essa evolução na criação de novos produtos e tecnologias, é necessários obter-mos o maior número de informações possíveis e a tempo habil.
    Conte sempre com total apoio, meus parabéns.
    Luciana

    ResponderExcluir
  11. Luciana, obrigado pelo incentivo e mais ainda por compreender o objetivo, espero que os profissionais da área compareçam e deixe seus comentários e dúvidas para que eu e os demais participantes possamos responder e trocar opiniões, melhorando assim nossos conhecimentos.

    ResponderExcluir
  12. Elizabete - Nilópolis RJ21 de março de 2012 13:07

    Parabéns Umberto, estou certa de que profissionais se tornarão mais profissionais ainda com as suas dicas e respostas.

    ResponderExcluir
  13. Obrigado Elizabete pelo depoimento motivador, estarei sempre procurando atender aos questinamentos dos amigos e espero contar com a participação de todos nos questões e também nas respostas.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  14. A progressiva é hoje um o produtos mais procurados nos salões.Eu sou contra ao uso de formol, procuro usar progressiva que não contenha.Eu gostei muito da sua dica e vou levar comigo. vou usar o proliss 100 depois conto como foi.Um Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimo que tenha gostado da dica, e melhor ainda que vc. é cosnciente quanto a nocividade do formol. Se vc. usar uma técnica aprimorada, o resultado com o Versaty liss será perfeito. Parabens pela decisão.

      Excluir
  15. Olá a todos!!
    soou bem novata na profissão,e quando comecei usei progressiva com formol,pois era o que havia no mercado, mas logo percebi que aquilo de bom não tinha nada ném pra minha saúde ném pro cabelo das minhas clientes, dai comecei uma busca por produto isento de aldeidos, e depois de gastar muita grana finalmente achei um que me deu o resultado esperado sem danos a minha saúde e aos cabelos de minhas clientes, estou livre do formol a mais de 1 ano!! e já cansei de debater com colegas que insistem em usar o formol!! enfim cada um faz suas escolhas!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cida, parqabéns pela sua opção, trabalhar corretamente é uma forma de ser segura, para si e para os clientes.
      É uma pena que nem todos façam as escolhas certas.

      Excluir
  16. Olá,eu uso progressiva no meu cabelo a muitos anos,gostaria muito de parar de usar por conta do formol,um cabeleireiro me indicou uma escova nova no mercada dizendo q ñ tinha formol,mas a mesma tinha cheiro de formol!Ñ posso usar tioglicolato nem a guanidina por fazer mechas em meu cabelo!!!Vc poderia me informar qual outro principio ativo alisa o cabelo sem ser o formol,e que loira possa usar???Desde já grata

    ResponderExcluir
  17. O ativo usado nas escovas progressivas sem formol é o glyoxiloyl, ou o ácido glyoxylyco, se bemm aplicado, com o uso de técnicas adequadas, por um profissional competente, o resultado é exelente e substitui com vantagens o formol, usamos este produto no centro técnico de aperfeiçamento profissional e os instruendos estão muito satisfeitos com os resultados alcançados. Eu recomendo a Versaty Liss da Versale, que utiliza a glyoxyloyl como ativo de realinhamento das cadeias de enxofre e a carbocisteína para o tratamento dos fios.

    ResponderExcluir
  18. ola.usei no salão versaty liss adorei o resultado posso comprar e utilizar em casa?desde de ja obrigada.

    ResponderExcluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Parabéns por usar um produto isento de formol e que está de acordo com as exigencias da ANVISA (Agencia Nacional de Vigila ncia Sanitária), A Escova Gradativa, (definitiva) Versaty Liss é um produto de uso exclusivo do profissional e não está disponível para venda ao consumidor, procure sempre um bom salão de beleza e exija o produto.

    ResponderExcluir
  21. Olá Umberto , sou cabeleireira há 15 anos, andei pesquisando sobre o acido glioxilico e fiquei com muita dúvida ,pois dizia q ele libera aldeído, por fazer parte da familia do formol, e q ele tb tem concentrações q variam de 1% a 20%,poderia me tirar essas dúvidas, pois estou procurando uma escova sem formol no qual sou totalmente contra.

    ResponderExcluir
  22. Oi Monica, desculpe-me o atraso na resposta. Posso lhe garantir que o ácido Glyoxylyco nada tem a ver com o formol, pode utilizar sem nenhum receio. Parabéns pelo atitude contra o formol, o uso desta substância só cabe na cabeça de pessoas mal informadas e sem escrúpulos. Aproveite e veja novo post sobre o assunto.

    ResponderExcluir
  23. oi boa tarde, eu uso escova progressiva carbocisteina, uso a 9 meses de 2 em 2 meses. se eu quizer utiliza tio de amonia novamente quanto tempo devo esperar apos a ultima aplicaçao, e preciso fazer o teste de mecha antes de alisar, e se pode haver corte quimico. bjs.

    ResponderExcluir